Intercâmbios Institucionais

  • Intercâmbios Nacionais

No âmbito nacional o Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da EBA/UFBA mantém atividades de colaboração com as seguintes instituições: UFRJ, UFMG, USP, UNICAMP, EMBAP, UFRGS, UFSM, UFF, UERJ, UFPE, UFPB, UNIVALE, UFRB, EMBAP, principalmente com: participação em bancas de seleção, concurso e conclusão de curso, projetos coletivos de arte; realização de palestras, seminários; participação no conselho editorial de revistas editadas pelos programas, exposições de arte envolvendo docentes e discentes de diferentes programas; participação conjunta em grupos de pesquisa credenciados pela Capes; organização conjunta de eventos relevantes para a área: Colóquio CBHA e ANPAP.

 

Destacamos o Acordo de Solidariedade desenvolvido junto ao programa Associado de Pós-Graduação em Artes Visuais, UFPB/UFPE em 2011; bem como o Mestrado Interinstitucional (MINTER) em Artes Visuais, entre a Universidade Federal da Bahia (UFBA), como entidade promotora, e a Escola de Música e Belas Artes do Paraná - EMBAP, como entidade receptora, e a Faculdade de Artes do Paraná – FAP, como instituição associada, que teve início em 2010 e culminou com as desfesas de mestrado em dezembro de 2011. Como desdobramento do Minter, a professora Maria Virginia Gordilho Martins tornou-se membro do corpo docente do Curso de Especialização em Poéticas Visuais da EMBAP, orientado continuamente monografias de conclusão deste curso. 

 

O Programa mantém relações efetivas e continuas com outros Programas da própria UFBA, tais como: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Escola de Teatro, Escola de Música, Escola de Dança, Faculdade de Comunicação e Instituto de Humanidades, Artes e Ciências através da participação em bancas de seleção, concursos, conclusão de curso, projetos coletivos de arte, realização de palestras, seminários, exposições e outras modalidades de apresentações artísticas envolvendo docentes e discentes dos programas e organização conjunta de eventos.

 

  • Intercâmbios Internacionais

O PPGAV tem mantido um intercâmbio contínuo com a Universidade Politécnica de Valencia - Espanha, desde 1999, com a ida da Prof. Drª. Maria Virginia Gordilho Martins através do Programa PICD, Intercâmbio entre as Universidades UFBA e UPV, em dois projetos de residência selecionados em 2000 e 2001, os quais tiveram como resultados exposições, publicações impressas e virtuais. Os contatos entre UFBA e UPV intensificaram-se com a vinda dos professores Drª. Mau Monleón em 2002, Pepe Galindo, Guillermo Goyanes e Evaristo Navarro (2003, 2005 e 2007), o qual atualmente integra o grupo de pesquisa ARTE HÍBRIDA, além da vinda da Drª. Gema Hoyas Frontera pelo Instituto SACATAR (2004). Este intercâmbio propiciou ainda a ida de três estudantes da graduação e de dois professores EBA/UFBA (2001, 2002 e 2007) pelo intercâmbio PICD. Alguns docentes do PPGAV realizaram seus doutorados ou estágio sanduíche na UPV e hoje, que contamos com o curso de doutorado, uma discente também já esteve nesta universidade realizando a bolsa sanduíche. A Prof. Drª. Maria Celeste de Almeida Wanner esteve, também, como Professora Visitante do Departamento de Escultura, na Escola de Belas Artes e São Carlos da UPV em Valéncia, Espanha, em 2006 e o Professor Evaristo Navarro, da Escola de Belas Artes e São Carlos da UPV em Valencia, Espanha, veio para o Brasil para participar do III Encontro do Grupo credenciado pelo CNPq, Arte Hibrida, liderado pela referida Professora.

 

O intercâmbio com entre o PPGAV e a UFBA têm resultado em diversas participações de ambas as instituições em eventos científicos e publicações conjuntas. 

 

O PPGAV mantém relação estreita com a Universidade Paris VIII, tendo acolhido por diversas vezes o Prof. Dr. François Soulages da Universidade líder do grupo de pesquisa internacional RETINA, para integrar o Colóquio Franco-Brasileiro de Estética, evento que teve sua décima primeira edição em 2014, organizado pelos Profs. Alberto Olivieri e Ricardo Biriba, os quais realizaram seus estégios pós-doutorais nessa Universidade, com a qual mantêm estreita colaboração por meio de participações em bancas de defesa e publicações, entre outros.

 

Em 2004 teve início uma parceria com a UNISA, da África do Sul, inicialmente com a ida da Prof. Drª. Maria Virginia Gordilho Martins e que teve como continuidade a vinda da Prof. Cecilia Helene de Villiers da Universidade de Pretória - UNISA, África do Sul, contando com apoio da UNESCO e do Instituto SACATAR. O Projeto internacional Afetos Roubados no Tempo, por exemplo, desde 2005 contou com a participação de doze (12) Doutores docentes da UPV e 03 professores, 02 artistas de Valencia e dezenas de professores artistas da UNISA.

 

A Professora Dra. Rosa Gabriella de Castro Gonçalves, que realizou seu pós-doutorado na Universidade de Stanford nos Estados Unidos, já foi agraciada por duas vezes com o International Travel Grant, concedido pelo Getty Research Institute, o que permitiu que ela participasse das Conferências  do Colleges of Art Association (CAA) nos anos de 2012 e 2017, particpnad do grupo "Global Conversations". Em 2014 a Professora foi agraciada com o Getty Library Grant, tendo desenvolvido pesquisa nas Coleções Especiais do Getty Research Institute em Los Angeles. Também em 2012 a professora foi convidada pelo Clark Institute, localizado em Massachussets, para visita junto a outros dezenove pesquisadores da área de artes atuantes em diferentes países da África, da Ásia e da Europa, conhecer o Clark e discutir a situação da pesquisa sobre arte nestas diferentes regiões do globo.

 

A consolidação do Convênio com a Universidade do Porto/ Portugal e CEPESE, aconteceu no ano de 2007, quando foi organizado o II Seminário Luso-Brasileiro: Artistas e Artífices do Norte de Portugal e sua mobilidade no Mundo Português com o apoio do CEPESE e do Museu de Arte da Bahia, os professores Maria Herminia Olivera Hernández e Eugênio de Ávila Lins foram os responsáveis pelo evento. Em 2008 foi organizado o Seminário Novas Perspectivas da História da Arte Portuguesa: Novas Interpretações (I) pelos professores Maria Hermínia Olivera Hernández e Eugênio de Ávila Lins. Desde então os professores das diversas universidades que compõe o CEPESE têm organizado eventos científicos tanto em Portugal, como no Brasil, não apenas na UFBA mas, também, na UFRJ.